A planificação editorial do Centro de Arqueologia de Almada terá o desenvolvimento mais próximo com a publicação do n.º 24 da Al-Madan impressa [ISSN 0871-066X], que será apresentado em Novembro de 2021, incluindo originais entregues até 31 de Julho.

Entretanto, edições anteriores podem ser adquiridas por venda directa do Centro de Arqueologia de Almada, que assegura a distribuição via CTT, com portes gratuitos em Portugal (ver Contactos). O pagamento pode ser realizado por transferência bancária.

A Al-Madan impressa de 2021 só será possível graças aos protocolos plurianuais celebrados no âmbito da campanha Vamos Manter a Al-Madan Impressa, nomeadamente com a Associação dos Arqueólogos Portugueses e as empresas Arqueohoje e a Neoépica, a que se juntam os apoios pontuais da Câmara Municipal de Almada e da Câmara Municipal de Oeiras.

 

Para Janeiro de 2022 está em preparação o Tomo 1 do N.º 25 da Al-Madan Online [ISSN 2182-7265], para o qual poderão ser enviados originais até 31 de Outubro.

A AL-MADAN Online tem distribuição na Internet, através de duas vias: com informação de síntese neste mesmo sítio web e com a revista integral na plataforma ISSUU.

Al-Madan Online e Al-Madan são edições complementares de um mesmo projecto editorial, mas reúnem conteúdos autónomos e prosseguem objectivos específicos.

 

Continua disponível o Mapa de Sítios Arqueológicos Visitáveis em Portugal que resultou do inventário nacional publicado na Al-Madan impressa n.º 20 (2016). Conta já com mais de 43 mil acessos na sua versão online, e pode ser consultado a partir desta ligação. Utilize-o e conheça melhor o Património arqueológico português, protegendo-o ao mesmo tempo, ao adoptar um código de conduta responsável.

O CAA agradece também informações de actualização dos arqueossítios inventariados, bem como as que permitam enriquecer o mapa com novos registos. Os contactos podem ser realizados por e-mail.

 

Almada, Julho de 2021